Quantos Cliques Preciso Para Ter Uma Conversão No Google?

Quantos cliques você precisa para gerar uma conversão? É claro que isso é diferente de ramo para ramo, mas a própria conta de Google diz isso, traz essa informação para você.

Algumas pessoas começam a anunciar no Google, colocam lá dois dias e, simplesmente, desistem de anunciar. E não sabem que não é só em um clique ou no primeiro clique que o usuário compra o produto. “Opa. Vi seu anúncio, cliquei e comprei”. Não! Às vezes a pessoa está lá pesquisando, procurando, pesquisa a concorrência, clica mais de uma vez no seu anúncio. Enfim, é a pesquisa padrão que todo mundo faz na internet, para depois comprar o seu produto.

Então, antes de você desistir, antes de falar que não tem essa informação, que não sabe onde encontrá-la. Saiba que a sua própria conta de Google lhe diz quantos cliques é preciso para ter uma conversão.

Antes de falarmos sobre a ferramenta que o Google mostra, o relatório, é bom deixar claro que quanto maior o valor do seu produto, quanto mais caro for ou quanto mais informações o usuário precisar para fechar o contrato com você, provavelmente, ele vai gerar mais cliques para gerar uma conversão.

Vou dar um exemplo. Vamos supor que você venda imóveis pela internet. Então, quando se está procurando um imóvel, é natural pesquisar em vários sites, clicar diversas vezes em anúncios, até, realmente, efetuar uma compra. Esse ramo, talvez, precise de mais cliques para gerar uma conversão.

Agora com um produto mais barato, vamos supor, uma capa de celular. Talvez, a pessoa pesquise e ao encontrar o que ela gostaria, já compre com apenas um clique no seu anúncio.

Então, como eu falei, isso é diferente dependendo do ramo. Você pode analisar para ter uma ideia sobre a sua conta, sobre os resultados, e quantos cliques você precisa.

Sem tempo de ler? Ouça o podcast!

Como Descobrir Quantos Cliques Preciso para Ter uma Conversão?

Na sua conta de Google, clicando em “Ferramentas”, depois em “Avaliação”, nós temos “Atribuição de Pesquisa”. Quando você clica nessa opção, você será levado a página “Visão Geral de Atribuição”. Nela, a gente tem várias informações. Como:

  •       Conversões

o  Principais Conversões

o  Conversões Assistidas

  •       Atividades em Dispositivos Diferentes

o  Dispositivos

o  Dispositivos de Assistência

o  Caminhos de Dispositivos

  •       Caminhos

o  Caminhos Mais Comuns

o  Tempo Até a Conversão

o  Tamanho do Caminho

  •       Análise de Cliques

o  Modelagem de Atribuição

Enfim, aqui nós vamos falar sobre caminhos. Em um, em especial, o Tamanho do Caminho, ou seja, quantos cliques você precisa antes de gerar uma conversão.

Depois de clicar em “Caminhos”, você deve clicar em “Tamanho do Caminho”. Nessa página você consegue escolher a ação da conversão porque é possível ter várias conversões em sua conta de Google. E a janela do Histórico.

Em Ação de Conversão você vai escolher qual conversão quer analisar. Se é de vendas, de lead ou a conversão por pessoas que compraram por cartão de crédito, ou por boleto, e assim por diante.

A janela do histórico é, por exemplo, a pessoa deu um clique hoje, se em 30 dias ela clicar novamente em algum anuncio meu, aí vai contar com 2 cliques. Se nesse mesmo período ela clicar mais de 2/3 vezes vai computando os cliques.

Agora, se ela clicou uma vez hoje e daqui 100 dias ou daqui 31 dias ela clicar novamente, vai contar como só um clique. Porque zerou, então a janela de histórico conta só 30 dias.

Então é óbvio que algumas pessoas pesquisam hoje, clicam hoje, conhecem sua empresa, seu produto e pode comprar daqui 30/60/90 ou demorar alguns dias, ter vários cliques.

Eu até fiz uma pesquisa com alunos meus e descobri que alguns compraram o “Conversão Extrema” depois de 2 anos assistindo minhas aulas na internet, conhecendo o meu trabalho. Então é normal as pessoas não comprarem no primeiro momento, enfim, dependendo do seu produto, do valor dele, de uma série de coisas que influenciam na geração de uma conversão.

Abaixo das listas suspensas “Ação de Conversão” e “histórico”, você pode ver a quantidade da “Ação de Conversão” selecionada. Em seguida temos “Cliques antes da Conversão”, que nós vamos analisar agora e também “Impressões Antes da Conversão”.

O “Cliques Antes da Conversão”, como o nome já revela nada mais é que é quantos cliques gerou antes de gerar uma conversão. E a impressão é quantas vezes o seu anúncio aparece para gerar uma conversão. Aí não conta clique.

Na conta que analisei, o Google me mostrava que, em média, a campanha, naquele período determinado, precisava de 1,72 cliques para gerar uma conversão. Ao lado dessa métrica, você pode verificar o número de conversões e também o valor de conversão. Que é o valor financeiro em média que gerou esses cliques totais, essas conversões. Então, eu coloco um valor de conversão na minha campanha, e cada conversão que uma pessoa faz pelo cartão gera X reais para a empresa, então ele multiplica o número total de conversões pelo valor de conversão que eu estipulei e o resultado é o “Valor da Conversão”.

Esse valor não é 100% porque tem muitas vendas que são feitas por telefone, por exemplo. Então esse é um valor aproximado, provavelmente, na realidade ele é muito maior.

Como Consigo Ter Menos Cliques e Mais Conversões?

Olha que interessante esse dado: Cliques antes da Conversão. Na minha conta, 1 clique, ou seja, pessoas que clicaram uma vez e já converteram foi 356. Ou seja, 61,49% das pessoas que clicam no meu anúncio compram na primeira vez que clicam. Isso é muito bom. Afinal, estou conseguindo convencer a pessoa a comprar na primeira vez que ela entra no meu site.

Para ter menos cliques e mais conversão você deve ter uma boa oferta. Uma boa Landing Page, explicação do seu produto. Uma oferta muito boa é realmente vantagens, talvez, um frete mais rápido, um preço bom.

Eu, realmente, estou superando a minha concorrência. Afinal, o cara não precisa nem pesquisar muito que eu já consigo convencer ele no primeiro clique.

Fique atento. Se você precisa de muitos cliques e o seu produto é barato, isso quer dizer que você não está conseguindo convencer o usuário na primeira vez. Alguma coisa você precisa ajustar no seu site, na sua oferta para que se torne mais atrativa e ele já se convença na primeira vez que entrar em seu site.

Outro dado interessante na minha conta é que entre 144 pessoas eu precisei de 2 cliques para gerar uma conversão. Ou seja, 24%, quase um quarto das minhas conversões, precisaram gerar dois cliques. Geralmente, a pessoa entra no meu site e esse segundo clique pode ser que ela vá lá e faça uma nova pesquisa ou vê as minhas campanhas de remarketing.

Você viu como as campanhas de remarketing são importantíssimas? A pessoa entrou, não comprou e saiu. Mas em um segundo momento vê lá o meu anúncio, clica e faz a compra.

Com 3 cliques, minha conta apresentou 38 conversões, ou seja 6% e assim por diante. Em uma janela de 30 dias houveram 2 conversões de pessoas que clicaram 12 vezes ou mais. Ou seja, não convenci essas pessoas, é um número bem pequeno, mas existe. Elas clicaram várias e várias vezes até eu conseguir convencê-las finalmente.

Calculando de forma bem simples, eu pude ver que 83,36% das minhas vendas são feitas até com dois cliques. Se eu subtrair esse valor de 100, posso constatar que 13% das minhas conversões precisam de 3 cliques ou mais para gerar uma conversão. Esse dado quer dizer que a minha oferta está muito boa, muito atrativa, e gerando resultado logo no início.

Uma conversão, por exemplo, de um e-book ou para se tornar um lead, deixar telefone, geralmente, é bem mais alto. Só com um clique porque é gratuito. Aqui, nessa conta/campanha, é focada em produto, em venda direta, por isso está muito boa.

No entanto, isso não tira o fato de que em 13% das minhas conversões eu preciso de quatro cliques, cinco cliques. Então não é só você anunciar dois ou três dias e desistir. Você tem que avaliar bem, dependendo do seu ramo, porque passa de 7 dias, passa de 7 cliques, 4 ou 5 cliques, e por isso é preciso ficar atento para não desistir antes do período que vai lhe gerar resultados.

Impressão Antes da Conversão

Em um segundo momento, nós temos também as impressões. Quantas vezes a pessoa precisa ver o meu anúncio para então gerar uma conversão. E aqui que o dado fica interessante.

Às vezes a gente pensa que o usuário vê o nosso anúncio e nessa primeira impressão ele já vai comprar. Olha como isso é louco. Segundo a minha campanha:

  •       45% das conversões são de pessoas que viram 1 vez só.
  •       20% são de pessoas que viram 2 vezes.

Se eu somar 45% + 20%, sei que 65% das pessoas que converteram, que compraram meu produto, viram, apenas, 2 vezes o meu anúncio. Desse modo, 35% das pessoas precisam ver 3 vezes ou mais os meus anúncios para então comprar.

Então não é só ver um anúncio. Ah, dois ou três dias vou desistir da campanha, pois não gera resultado. Não! Tem que deixar a campanha rodando um pouco e depois analisar esses dados com todo cuidado.

Ou seja, 35% é muita coisa, é muita conversão. Isso diferencia já se você vai ter lucro ou prejuízo. Então você precisa tomar cuidado com as suas decisões. Não as tome precipitadamente, analise bem as suas campanhas, antes de pausar ou cancelar e até mesmo criar novas.

Ao saber que 35% precisa visualizar mais para converter, eu posso trabalhar mais o remarketing, coloco os meus anúncios mais fortes para as pessoas que entram no meu site, e assim visualizando mais vezes a mais chances que elas comprem.

3% não é um número tão alto, mas essa percentagem é o do volume de pessoas que precisam visualizar 12 vezes ou mais para converterem no meu negócio.

Fique atento a esses números que vão te ajudar a ter uma visão de que não é na hora, muitas vezes, que você faz uma conversão. Esse produto ao qual eu lhe trouxe os números é muito bem otimizado, tem uma oferta muito boa. Só que há outros que demoram muito mais. Então analise a sua campanha para ver o que você pode melhorar e também se está tendo conversões com poucos cliques ou muitos cliques.

Obviamente que quanto menos cliques para gerar uma conversão melhor, mas em alguns casos, como eu falei dos imóveis ou produtos bem mais caros, é preciso de uma pesquisa maior. E, portanto, mais cliques.

No geral, você vai ver que, lá no final, vai valer a pena analisar esses números um a um ao invés de começar uma campanha em dois ou três dias e já desistir.

Assista ao vídeo abaixo

Aproveite para se inscrever em meu canal do YouTube e receber mais dicas sobre marketing.

Acesse: Canal do YouTube

Ouça o Podcast!

Baixe meus podcasts em sua plataforma favorita.

Acesse: Podcast

Baixe os Slides

Espero que tenha curtido esse conteúdo.

Nós vemos em breve.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Aprenda a anunciar no Google com Orçamento Baixo

Ebook + Aula Completa Inclusa. Baixe Agora. É Grátis.

JUNTE-SE A MAIS DE 50.000 PESSOAS

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos e com prioridade

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo