Como Escalar Minhas Campanhas e Vender Mais No Google

Como vender muito mais no Google escalando as minhas campanhas? Quando você começa anunciando no Google é normal focar só no seu público comprador. É assim que você deve anunciar, caso esteja começando agora ou tenha um baixo investimento.

Sem tempo de ler? Ouça o Podcast!

O primeiro passo é o seguinte… você vai começar a ter resultado, então vai investir primeiro R$10, depois vai subir para R$20, vai querer investir ainda mais, até chegar uma hora em que vai querer investir muito, porque dá muito resultado. E aí, por exemplo, você vai colocar R$1000 reais por dia no Google e ele vai gastar R$500. Nessa hora, você vai se questionar: “Será que acabou os meus clientes?” Porque chegou no limite daquela campanha para aquele público alvo que você selecionou.

E a pergunta é: Como eu faço para escalar as minhas campanhas e ter um maior volume de conversão, sem aumentar o meu custo por conversão? Ou seja, meu custo por venda ou meu custo por lead.

Obviamente que quanto mais você vai ampliando a sua campanha, mais pessoas não tão interessadas vai acabar chegando até seus anúncios. É normal ter esse leve aumento no custo por conversão, porém você vai ganhar muito mais em quantidade e aí vale muito mais a pena.

Olha só! As melhores pessoas para você escalar suas campanhas são as parecidas ou que têm os mesmos interesses daquelas que já compram de você ou já se tornaram seu lead. Simples assim.

Então, vamos supor. Você teve lá várias conversões e montou esse público. O Google consegue ver quais pessoas estão dentro desse público e apontar os interesses delas. Ele fala, por exemplo, essas pessoas gostam de jantar fora, viajar… E aí você vai pegar esses interesses, selecionar lá na sua campanha e fazer essa forma de escalar. Você vai ter um alcance muito maior e um resultado muito bom porque está pegando os mesmos interesses.

Geralmente, as pessoas parecidas umas com as outras têm os mesmos desejos. Só que a pessoa A conhece Google e a B não. Vou dar um exemplo. Vamos supor que tem dois empresários, os dois querem aumentar as vendas. Um conhece o Google e o outro não. O que conhece já pesquisa, então está no seu público alvo e você está vendendo para ele. O que não conhece quer aumentar as vendas, mas não sabe como. Então, ele vai ter que ver um anúncio, gerar um interesse e aí vai comprar o seu produto. A gente chama isso mais de topo de funil.

Quer saber como fazer isso na prática na sua conta? Escalar a sua campanha? Vou lhe mostrar como eu faço e gera muito resultado, inclusive, estou aplicando nesse exato momento.

Passo-à-passo para Escalar Suas Campanhas no Google

O primeiro passo é você ter conversões no seu pixel. Quanto mais conversões você tiver na sua conta Google, mais inteligente fica esse pixel. E quanto mais inteligente, mais venda você vai gerar e mais públicos semelhante vai gerar também.

É assim. Se eu tenho uma conta e gerou só uma venda, o Google não tem informação suficiente para dizer o que o público gosta. Agora, se eu tenho pelo menos 50 conversões, 100 conversões, o Google começa a identificar que tem um padrão. Algo como: “Essa galera gosta de X e Y”. E aí você já começa a anunciar já para essas pessoas, que talvez estivesse até fora do seu radar. Isso é bem importante ficar atento.

Simples. Para fazer isso é muito fácil. Na sua conta Google você vai clicar em “Ferramentas”. Depois, você vai em “Gerenciador de Públicos-alvo”. Clicando em “Gerenciador de Públicos-alvo”, você vai em “Informações do “Público-alvo”.

Na próxima página, você vai selecionar, no canto esquerdo superior, onde tem a inscrição “Público-alvo sobre o qual você quer receber insights”, a opção “Todos os conversores”. Isso significa que vamos receber insights, informações, de pessoas parecidas que converteram. Ou seja, quem são elas profundamente. O Google vai lhe dizer sexo, idade, se tem filho ou não, locais, cidades, dispositivos. Você verá em abas como “Dispositivos” que terá um gráfico, geralmente, com duas barras. O azul indica como é o seu público. O cinza é o comparativo com o mercado.

O que eu quero mostrar mesmo para você, na hora de escalar a campanha, está no menu “Informações demográficas”. É o “Públicos-alvo relevantes”. Esse é o segredo.

Com as várias conversões que estão aqui, o Google conseguiu identificar que esse público tem um padrão. E o padrão é que eles gostam ou pesquisam, de alguma forma, por exemplo, “Software de desenho e animação”, na verdade, esse é um dos “interesses” que o Google apontou em uma campanha minha. Jamais imaginei que meu público pesquisaria sobre isso.

Esse resultado ao qual me refiro é do “Públicos-alvo no mercado” que são as pessoas que estão pesquisando ativamente sobre isso na internet. Depois nós vamos para afinidade.

Então vamos continuar a analisar… Apareceu também para mim “Serviços de SEO e SEM”, o que faz todo sentido. “Serviços Financeiros”, ou seja, fora do meu radar, fora do radar do marketing, interessante. “Softwares para Fotografia”, talvez agências utilizam, profissionais de marketing, consultores… Opa! Já posso pegar esse tópico. “Software de Vídeo” e olha só “Apartamentos Novos”, nem um pouco previsível. Fora do radar, eu não sabia.

Bom, nessa lista, você também vê o “Tamanho” do público e o “Índice”. Se você colocar o mouse sobre a barra “Índice” o Google vai lhe dizer que ele se refere as pessoas em “todos os conversores”, ou seja, são todas as pessoas que geraram alguma conversão no meu site, pode ter baixado algum material, ter se cadastrado para receber atualizações ou para participar de workshop, qualquer coisa. Se a pessoa foi lá e deixou o contato dela, se tornou um lead, está dentro dessa conversão. Então, as pessoas de “Todas as Conversões” do meu site estão 12,1X mais propensas a estar no mercado de “Software de Desenho e Animação” em comparação a população geral, por exemplo. Ou seja, vale a pena eu anunciar para esse público.

Públicos-Alvo no Mercado e Públicos-Alvo de Afinidade

Eu gosto de começar a escalar as minhas campanhas por “Público-Alvo No Mercado”, porque são pessoas que estão pesquisando ativamente na internet. Agora, quando a gente fala de “Públicos-Alvo de Afinidade”, algumas ações do usuário na internet o Google simplesmente pegou e acabou identificando como “parecida”, mas é algo mais amplo.

Por isso, eu indico que você foque primeiro no mercado que já tem muitos públicos. E depois por afinidade. Eu costumo fazer isso, porém, obviamente, em cada negócio pode funcionar diferente. Então, vale você testar no seu.

No Públicos-Alvo de afinidade, eu costumo analisar o que vale ou não a pena. Por exemplo, apareceu para mim aqui “Leitores Ávidos de Notícias Mundiais”, é muito amplo, percebeu? Apareceu também “Leitores ávidos de notícias sobre negócios”, bem óbvio e por isso já estava no meu radar. Agora, uma coisa que eu comecei a ficar bem atento é em coisas como “Entusiastas de Jazz”, completamente fora do meu radar. Olha só que interessante “Pessoas que jantam fora regularmente”.

Tem que tomar cuidado porque é um público muito maior, muito amplo. Então, quando você quer escalar muito e está investindo muito mesmo, até vale a pena. Eu já fiz isso uma vez com o Aprenda Piano.

É claro que a gente vai começar mais focado, mas aqui já lhe dá uma noção do que o seu público gosta. E você pode trabalhar isso no seu site, nos seus e-mails, até na hora de falar com os clientes.

Se você quer escalar a sua campanha, quer vender muito mais, mais volume, tem muito dinheiro para investir… você vai em “Públicos-Alvo No Mercado”, seleciona todos. Vai em “Adicionar a Grupos de Anúncios”, escolhe o grupo de anúncios, faz a seleção no box e clica em “Próxima”.

Fazendo isso já vai estar na sua campanha rodando! Simples assim. Você colocou lá, ele vai puxar esses públicos-alvo e vai subir na sua campanha que você já criou. Vai começar a rodar, passando cerca de 3 dias, você vai começar a notar quais são os públicos que estão trazendo o melhor resultado.

O Google vai lhe mostrar essa informação claramente, e você vai começar a otimizar essas campanhas. Vai dizer, por exemplo, vou pausar o público X porque não me traz resultado. Mas, preciso lhe dizer, todos que estão aqui, geralmente, vão trazer resultado para você.

É claro que quanto mais conversões você tiver melhor, porque assim o Google tem mais informações. Dessa forma, provavelmente, você vai conseguir escalar bem. A tendência é aumentar um pouquinho o custo por conversão, mas mesmo assim volume vale muito a pena e você escala de uma forma muito rápida.

Para quem anuncia no Facebook, isso aqui é bem parecido com a campanha “Público Semelhante”, o “lookalike”.

Agora o seguinte, se você quiser ser mais específico, por exemplo, no meu site tem vários tipos de conversão. Tenho conversão de quem se tornou um lead, de quem comprou meu produto, várias. Você pode escolher a conversão mais valiosa no seu caso. Por exemplo, conversão de compra de produto. Aí você seleciona no “Público-alvo sobre o qual você quer receber insights” e sairão algumas mudanças, talvez, nas informações fornecidas pelo Google no “Públicos-Alvo no Mercado”.

Você também pode escolher receber insights de outros públicos. Clicando nessa aba em sua conta, você vai escolher a conversão. Pode ser até do usuário do Youtube, pessoas que são inscritas no meu canal, e descobrir o que elas “gostam” em comum. É possível também subir listas de clientes, além de “analisar” visitantes de uma página específica, que seria a página de conversão, ou seja, aquela que aparece depois que a pessoa comprou o produto. Fazendo isso, vai ficar ainda mais específico.

A gente sabe que, falando em segmentação, quanto mais específico você for, mais resultado tende a gerar, porque vai atingir exatamente o público-alvo que quer comprar de você. 

Essa é a maneira que, em poucos segundos, você pode escalar as suas campanhas e gerar muito mais resultado. Você vai ver que haverão milhões de pessoas nesse alcance. Isso quer dizer que vai aparecer tudo isso para vender? Não. Como o seu pixel está muito inteligente, o Google vai encontrar dentro desses públicos, quais pessoas têm mais chances de converter. Ou seja, ele vai otimizar por CPA, que a gente definiu anteriormente, vai procurar, vai puxar e vai convertendo automaticamente para você.

Essa campanha de públicos-alvo no mercado é tão forte que a campanha que estou rodando atualmente está batendo, inclusive, os meus anúncios de remarketing, que são, geralmente, as melhores campanhas.

Então, vale o teste para você ter mais volume e mais vendas através do Google. Espero ter ajudado. Nos vemos onde? Sim! No próximo conteúdo.

Assista ao vídeo abaixo

Aproveite para se inscrever em meu canal do YouTube e receber mais dicas sobre marketing.

Acesse: Canal do YouTube

Ouça o Podcast!

Baixe meus podcasts em sua plataforma favorita.

Acesse: Podcast

Baixe os Slides

Baixar Slide

Valeu. Abraço!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Aprenda a anunciar no Google com Orçamento Baixo

Ebook + Aula Completa Inclusa. Baixe Agora. É Grátis.

JUNTE-SE A MAIS DE 50.000 PESSOAS

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos e com prioridade

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo

Aprenda mais sobre Marketing Digital no Instagram Me siga →