Como Vender Mais Com Anúncios De Remarketing No Youtube

Como vender mais com anúncios de remarketing no Youtube. Quando você vincula a sua conta de Youtube com a sua conta de Google Ads, você consegue anunciar para pessoas que estão engajando no seu canal. Pode ser uma pessoa que assistiu um vídeo específico, uma pessoa que é inscrita no seu canal ou cancelou a inscrição, curtiu, não curtiu seu vídeo, comentou, enfim. Você consegue fazer diversas segmentações utilizando o seu canal no Youtube.

Nesse conteúdo, nós vamos falar sobre campanhas de vídeo. Ou seja, quando você utiliza vídeo para anunciar o seu produto ou serviço focado em conversão de vendas ou lead. Então não é branding, nesse caso, até uma conversão assistida, que eu vou explicar para você como funciona. Mas é, realmente, gerar uma conversão, gerar resultado.

Sem tempo de ler? Ouça o podcast!

2 Estratégias Para Vender com Anúncios de Remarketing no Youtube

Na sua conta de Google, no lado esquerdo, a gente tem as “Campanhas de rede de pesquisa”, as “Campanhas de rede de Display” e “Campanhas de Vídeo” que é sobre o que nós vamos falar aqui.

É importante reforçar que você consegue também colocar banners na rede de display e anunciar lá no Youtube. Só que aqui a gente vai falar só de campanha de vídeo. Você precisa subir um vídeo para começar a sua campanha.

Eu gosto de usar várias estratégias para vender através do Youtube. Uma pessoa que entra no seu canal e assiste ao seu conteúdo, o seu vídeo, ela é uma potencial cliente. Uma pessoa interessada naquele tipo de conteúdo.

Vou dar o próprio exemplo do meu canal no Youtube. Se eu dou uma aula de Google Ads, quem a assiste tem interesse no assunto e provavelmente vontade de aprender mais sobre. E eu posso anunciar para pessoas que assistiram esse vídeo ou é inscrito no canal, em um segundo momento, falando sobre o meu treinamento. Isso é o simples!

Como funciona? Você gera conteúdo, vários vídeos. Aí o pessoal entra, assiste esses vídeos, você pega os públicos de quem entrou nesses vídeos, ou seja, monta um público de remarketing, e depois anuncia o seu produto para ele. Esse é um remarketing supersimples. 

Agora, um remarketing um pouco mais avançado, que eu gosto, é quando um vídeo ou algum outro tipo de conteúdo, dá suporte a conversão final. 

Na prática, funciona da seguinte forma: Vamos supor que eu faça vários vídeos e a pessoa assistiu, o que fez com que ela entrasse na minha lista de remarketing, sendo considerada uma pessoa, realmente interessada. Então, eu posso fazer anúncios específicos para quem entrou nessa lista. Ou seja, quem assistiu um vídeo meu, eu não quero que assista um outro conteúdo e sim, por exemplo, um vídeo com depoimentos de clientes e alunos do meu treinamento.

Então, vamos supor. Um cara assistiu um vídeo meu e por isso entrou na minha lista de público de remarketing. Aí eu convido ele para acessar a minha página de curso através de um outro vídeo e se ele entrar e se cadastrar para receber mais informações desse curso, ele vai ver vários vídeos de depoimentos de clientes.

Isso aqui é uma assistência para conversão. Ou seja, eu estou aquecendo o lead para que no momento da oferta, ele esteja muito mais pronto para comprar. A prova social através do depoimento é muito forte para você utilizar no seu marketing.

Essas são duas estratégias básicas, que eu vou mostrar para você como fazer na prática. Mas há diversas, diversas, estratégias que você pode utilizar. Por exemplo, se você tem um e-commerce é quer utilizar um influenciador. Pega o influenciador, cria lá a conta de Google, você consegue vincular e anunciar para esse público do Youtube dele.

Então, você consegue fazer vários tipos de segmentação, anunciar para o público alvo exato e não só para quem se engajou, mas para quem se engajou e é o seu público alvo. Ou seja, pessoas que assistiram o meu vídeo, mas tem idade de X a Y ou tem interesse em marketing digital. Eu consigo fazer essa união de segmentação para refinar ainda mais os meus anúncios.

Como Vender com Anúncios de Remarketing no Youtube na Prática

O primeiro passo que você faz é vincular a sua conta de Youtube com a sua conta de Google Ads. Para fazer isso é muito simples. Você vai, na sua conta de Google Ads, em ferramentas, biblioteca compartilhada e gerenciador de públicos-alvo. Esse é o local onde você gerencia todo o seu público-alvo, as pessoas que, de alguma forma, se conectaram com você ou públicos semelhantes.

Dentro do gerenciador, você deve clicar em “Origens de Público-Alvo”. Nessa página você vai encontrar o símbolo do Youtube, faça todo o passo-à-passo intuitivo para vincular a sua conta.

Quando você vincular essa conta, vá em “Listas de público-alvo”. Clique no símbolo “+” em azul. Na lista suspensa, será possível visualizar a opção “Usuários do Youtube”, que são pessoas que interagiram com o seu canal ou vídeos do Youtube.

Clicando nessa opção, você será levado à uma nova página onde poderá nomear o público específico que vai criar e em “Membros da Lista”, você escolhe que tipo de interação quer criar esse público. 

Posso gerar uma interação, por exemplo, de pessoas que visualizaram um vídeo no meu canal, qualquer vídeo.

Ou, visualizaram determinados vídeos, então, por exemplo, eu quero pegar pessoas que assistiram só vídeo-aulas ou pessoas que assistiram conteúdo falando sobre esse assunto específico.

Visualizaram um vídeo (como um anúncio) em um canal. Também dá para fazer. O usuário viu meu vídeo em outro canal. Visualizaram determinados vídeos como anúncios, então sendo mais específico.

Inscreveram-se em um canal, ou seja, são inscritos no meu canal. Visitaram uma página do canal, além de: Gostaram de um vídeo em um canal, adicionaram um vídeo de um canal a uma playlist, comentaram sobre um vídeo em um canal e compartilharam um vídeo de um canal.

Se você tem muita audiência no Youtube e quer segmentar ainda mais, você pode focar só nas pessoas que gostaram, que é equivalente ao like. Agora, se você não tem um público muito grande é melhor focar em quem visualizou.

Para fazer o passo-à-passo, eu vou escolher “Visualizaram um vídeo em um canal”, mas você pode escolher o que for melhor para o seu caso. Então, qualquer pessoa que visualizou um vídeo no meu canal, já vai entrar nesse público.

No “Tamanho Inicial da Lista” eu posso incluir já as pessoas dos últimos 30 dias que fizeram essa ação ou começar com uma lista vazia, do zero. Aqui, vou começar com a primeira opção, já incluindo as visualizações dos últimos 30 dias.

Em “Duração da Associação”, você vai decidir quantos dias a pessoa vai permanecer na sua lista, tendo um limite de até 540 dias. Eu geralmente coloco 30 dias. Isso significa que o usuário sairá da lista automaticamente 30 dias após ter entrado, se ele não assistir mais nenhum vídeo. Se ele voltar a assistir esse tempo vai se renovando automaticamente.

Após dessa definição, você clicar em “Criar”. E poderá começar a anunciar para essa galera. Depois que os públicos estão criados, você cria a sua campanha no Youtube.

Eu abri uma campanha que fiz, estou em um grupo de anúncios de uma turma do Conversão Extrema, especificamente na parte de “Públicos-Alvo”.

Um ponto importante: O remarketing no Youtube não é só de pessoas que interagiram comigo no Youtube. Você pode pegar pessoas que, por exemplo, entraram no seu site. Você consegue pegar qualquer público, ou lista de e-mail, entrou no seu site, no seu blog, interagiu no seu aplicativo, enfim, qualquer público de remarketing você consegue anunciar.

Aqui, por exemplo, eu criei o público “inscritos no canal Mestre do Adwords”, “Visualizaram Aulas Fantásticas”. Então, é basicamente isso que você faz. Eu chamo, você assiste a um vídeo, depois eu faço um anúncio chamando para uma conversão, para uma venda.

Dentro da sua conta Adwords nós temos a aba “Vídeos” que é onde criamos a campanha e inserimos o vídeo. Então, você cria um vídeo específico, pode ser um vídeo não listado, para esse anúncio de remarketing.

Nessa parte de vídeo é muito legal porque o Google traz algumas informações interessantes. Quais são as informações? Quando você sobe um vídeo no Youtube, você consegue entender como está a interação desse público-alvo com esse vídeo. Uma das interações importantes é se o vídeo está sendo reproduzido até o final.

Por exemplo, um vídeo que eu coloquei de 3 minutos, 14,5% das pessoas assistiram até o final. O que é um número legal para anúncios em trueview. Anúncios Discovery, geralmente, têm um pouco mais.

O foco aqui, que eu trago para esse vídeo, não é nem a visualização chegar no 100% e tal, é fazer a conversão. A pessoa assistir o vídeo, ir para a página, se tornar um lead e aí gerou uma conversão.

Isso a gente chama de vídeo action, que é vídeo com a chamada para ação. Vídeos que geram a ação.

Quando cria um vídeo, você coloca a URL de destino, a pessoa assiste o vídeo, tem um botão na lateral esquerda para ela clicar, e assim que terminar o vídeo, também tem uma área clicável. Ou seja, são vídeos que estão levando a pessoa à uma ação.

É para esse público, ou seja, para essas pessoas que demonstraram maior interesse, que você vai criar anúncios de depoimentos, que servirão de ajuda para aquecer o lead e, consequentemente, gerar mais conversões.

Esses vídeos de depoimentos, geralmente, têm um investimento menor, porque o público é muito limitado. Não fique preocupado com isso, porque o que importa não é só a quantidade de views, mas a qualidade dos views. 

Então, você ter 300 views em vídeo de depoimento, sendo que esse público é só, realmente, pessoas que estão participando do processo de compra, estão, realmente, interessados, é excelente, afinal, ajuda muito a aquecer o lead no momento de compra.

Nesse conteúdo, meu objetivo foi mostrar para você essas duas estratégias para que amplie a sua visão das possibilidades que você consegue fazer no Youtube. Essas duas estratégias são simples, básicas, porém geram muito resultado.

Recomendo que você comece a anunciar no Youtube, caso não anuncie ainda, porque há muito tráfego lá, as pessoas estão presentes o tempo inteiro. Então vai lhe ajudar a trazer mais tráfego para o seu site. Automaticamente gera mais branding, aquece mais o seu lead e aí você gera, no fim, mais resultado.

É óbvio que no Youtube, quando você investe em branding, muitas vezes você não tem aquele resultado de imediato. Aquela conversão como a rede de pesquisa, por exemplo. Porém, a longo prazo, você vai ver que a sua marca vai crescer, mais pessoas vão conhecer, porque um vídeo vale mais que um banner, muito mais que um anúncio de texto. Gera mais conexão, emoção e no fim a pessoa tem mais chance de se tornar o seu cliente.

Então é isso. Faça a sua primeira campanha de remarketing e Youtube para gerar mais resultados nas suas campanhas de Google.

Assista ao vídeo abaixo

Aproveite para se inscrever em meu canal do YouTube e receber mais dicas sobre marketing.

Acesse: Canal do YouTube

Ouça o Podcast!

Baixe meus podcasts em sua plataforma favorita.

Acesse: Podcast

Baixe os Slides

Baixar Slide

Nos vemos no próximo material!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Aprenda a anunciar no Google com Orçamento Baixo

Ebook + Aula Completa Inclusa. Baixe Agora. É Grátis.

JUNTE-SE A MAIS DE 50.000 PESSOAS

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos e com prioridade

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo

Tiago Tessmann

Formado em administração de empresas, possui vários projetos de sucesso na internet como Blueberry, Aprenda Piano e o treinamento Conversão Extrema. Foi premiado como o melhor profissional de Google Ads do país pelo Afiliados Brasil em 2015 e 2016. Tiago tem como missão ajudar pessoas comuns a alcançar a mais alta performance dos seus projetos e negócios através da internet.
Tiago Tessmann © Todos direitos reservados.
Aprenda mais sobre Marketing Digital no Instagram Me siga →