Posso usar as imagens do Google nos meus projetos sem problemas?

Se você usa o marketing digital, gera conteúdo para internet ou os utiliza, seja textos, vídeos ou até mesmo design, certamente já se perguntou se poderia usar as imagens do Google nos seus projetos sem maiores problemas.

De fato essa é uma dúvida recorrente. Visto que muitas vezes as regras sobre os direitos autorais não são tão simples de entender, principalmente, quando o material está online.

É comum que busquemos imagens de qualidade no Google para complementar algum conteúdo que produzimos. Mas será que isso poderia gerar problemas?

Há quem diga que utilizar banco de imagens, seja gratuito ou pago, é a melhor alternativa. Só que nesse caso, ou há custo ou limitação de opções. E agora?

Nós, do Mestre do Adwords, criamos esse conteúdo com o objetivo de te ajudar quanto a esse assunto. Vamos esclarecer de forma simples e objetiva alguns pontos importantes.

Vem com a gente!

 

Busca-de-imagens-no-Google

 

O que são direitos autorais?

Antes de falarmos diretamente sobre as imagens do Google é importante esclarecer o que são os direitos autorais.

Dessa forma, você entenderá mais claramente o que implicaria a utilização desse tipo de material disponível na internet.

Para começar, é importante que você esteja ciente de que todo “bem” reconhecido juridicamente como tal possui tutela legal.

As fotos e imagens entram nessa “regra” e, portanto qualquer uma delas pode ser considerada a propriedade intelectual de quem a fez/registrou.

Uma vez classificada como propriedade intelectual de alguém, ela só pode ser usada por terceiros se autorizada, evitando que seja utilizada indevidamente.

Essa é a “regra” padrão/geral das imagens, porém há diversos tipos de autorização ou bloqueio que podem ser aplicados.

As imagens que estão dentro de um banco de imagens pago, por exemplo, oferecem ao assinante a autorização de uso, com direito autoral restrito.

Já os bancos de imagens gratuitos, na maioria das vezes, permitem a utilização de imagens, mas com restrições que protegem o autor.

A seguir, vamos entender melhor os principais tipos de direitos autorais.

Vamos nessa?

Classificações de Direitos Autorais

Como falamos acima, há diferentes tipos de direitos autorais, restringindo ou liberando a utilização das imagens.

Entre os principais, estão:

  • Copyright: Uma das classificações mais comuns, imagens dentro do copyright têm todos os direitos reservados, por isso, para utilizá-las é preciso requerer autorização prévia, acordando formas de uso e aplicações, geralmente, mediante a pagamento.
  • Copyleft: Imagens classificadas como Copyleft são totalmente livres para serem utilizadas. Salvo quando seu uso seja comercial, nesse caso, é vedada.
  • Royalt Free: Para usar imagens com Royalt Free é preciso pagar. Uma vez adquirida a licença, ela pode ser utilizada livremente.
  • Rights-managed: Uma licença bem restritiva, a Rights-managed também é paga e, quase sempre, exige regras à quem compra seus direitos de uso, como local de reprodução, formas de edição, canais de mídia e outras.
  • Domínio público: Fotos que tenham a classificação de domínio público é tida como uma espécie de patrimônio cultural reconhecido, por isso, o próprio dono dos direitos por meio legal permite que o uso seja livre com a premissa de que os créditos de autoria sejam dados à quem a utilizar.

Para achar imagens ou outros conteúdos de domínio público há um site oficial do Governo onde é possível realizar buscas.

Entre esses vários tipos de direitos autorais, há as licenças de uso menos restritivas nomeadas como Creative Cooms, inclusive, esse é a categoria das fotos que estão presentes no Google, em grande maioria.

Veremos à seguir algumas categorias dentro dessa licença.

 

Posso-usar-as-imagens-do-Google-nos-meus-projetos-sem-problemas

 

Tipos de Imagens Creative Cooms

Assim como há diferentes classificações dentro dos direitos autorais, na creative cooms, também chamadas de imagens sem direitos autorais há algumas categorias, as principais são:

  • Creative Cooms By Atribuição: O uso de imagens dentro dessa categoria tem livre utilização, mas exige que haja atribuição de créditos ao autor.
  • Creative Cooms Não Comercial: Nesse caso o direito de uso é liberado, inclusive para edições, distribuições e mais, desde que não atribua à nenhum ato ligado à comercialização.
  • Creative Cooms – Não a obras derivadas: O uso da imagem é livre e restrito apenas à edições ou modificações.
  • Creative Cooms SA: Nessa licença o uso é livre, vedando apenas quanto ao compartilhamento, onde para que isso ocorra a licença precisa ser a mesma da obra original.

É importante ressaltar que uma imagem, principalmente, as postadas na internet, podem ter mais de uma licença, tornando-a mais restritiva quanto ao seu uso.

Na dúvida sobre as atribuições de direitos autorais de uma foto, não a utilize. Caso contrário você poderá ser processado por uso indevido, apropriação de propriedade intelectual e outras sanções passíveis de multa e mais.

 

google-imagens

 

Como encontrar imagens sem restrições de uso no Google?

É claro que o Google busca trabalhar dentro das regras de direitos autorais, por isso, sua ferramenta permite que você encontre imagens sem restrições de uso.

Só que antes de te mostrar como fazer para encontrá-las, é importante que você conheça as licenças de uso das imagens contidas no Google. As principais são elas:

  • Sem restrições de uso e compartilhamento: Tem uso livre e irrestrito quando a redistribuição, desde que não haja edições na foto original.
  • Sem restrições de uso, compartilhamento e modificação: Ao contrário da licença anterior, essa também permite que você edite a imagem original do autor.
  • Comercialmente: Imagens que possuam essa licença podem ser utilizadas para comercialização.

Agora que você já sabe tudo, vamos te ensinar a encontrar imagens sem restrições no Google, basta seguir os passos:

  • Acesse o Google Imagens
  • Digite o termo relacionado à foto que deseja obter
  • Clique em “Ferramentas”.
  • No menu “Direitos de Uso” selecione a licença condizente com o tipo de aplicação que fará com a imagem.
  • Aguarde receber os resultados da busca.

É importante que ao escolher a imagem você confira se a licença de uso é, realmente, válida. E se ela se aplica às suas necessidades.

Infelizmente, o Google ainda não tem tecnologia que garante a veracidade da licença legal de uma imagem.

 

É isso! Esperamos ter lhe ajudado. Ficou com dúvidas? Então escreva para nós.

Desejamos-lhe sucesso sempre, a gente se vê.

Forte Abraço.

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Aprenda a anunciar no Google com Orçamento Baixo

Ebook + Aula Completa Inclusa. Baixe Agora. É Grátis.

JUNTE-SE A MAIS DE 50.000 PESSOAS

Entre para nossa lista e receba
conteúdos exclusivos e com prioridade

Gostou do artigo? Deixe seu comentário abaixo